Portal do Governo Brasileiro
  • Pag 116 Boiadeiro
  • Pag 19 Viad Sta Ifigenia
  • Página Inicial

Registro Nacional - 2007-2017

Nesta seção são apresentados em ordem cronológica dos acervos inscritos no Registro Nacional do Brasil do Programa Memória do Mundo da UNESCO. As informações aqui disponibilizadas foram fornecidas nos Formulários de Candidatura. Sempre que possível serão fornecidas as imagens disponibilizadas para uso do programa Memória do Mundo e um link para o portal da entidade custodiadora.

Tabela de acervos inscritos no Registro Nacional do Brasil - clique aqui

Imprimir Email

MinC consulta sociedade sobre nova Política Nacional de Combate ao Tráfico Ilícito de Bens Culturais

O Ministério da Cultura (MinC) vai consultar a sociedade, por meio de notícia regulatória, para a construção de uma proposta para a Política Nacional de Combate ao Tráfico Ilícito de Bens Culturais. O objetivo é elaborar um documento que contenha diretrizes gerais, eixos de atuação e ações específicas, incluindo a criação de um Comitê Nacional de Combate ao Tráfico Ilícito de Bens Culturais, a ser composto por entidades governamentais, do setor privado e da sociedade civil. O prazo para manifestações nesta fase inicial de contribuições começa nesta quinta-feira (13) e vai até 26 de setembro.

Confira aqui a minuta da Notícia Regulatória.

 As manifestações devem ser realizadas por meio do Sistema da Ouvidoria do Ministério da Cultura: http://ouvidoria.cultura.gov.br/

 Mais Informações ver:

http://www.cultura.gov.br/noticias-destaques/-/asset_publisher/OiKX3xlR9iTn/content/minc-consulta-sociedade-sobre-nova-politica-nacional-de-combate-ao-trafico-ilicito-de-bens-culturais/10883

Fonte: Assessoria de Comunicação do Ministério da Cultura

 

Imprimir Email

Acervo Memória do Mundo do Museu Nacional

O Museu Nacional teve em 2010, juntamente com a Biblioteca Nacional, um acervo documental inscrito como Patrimônio da Humanidade a nível nacional: a Coleção Alexandre Rodrigues. Abaixo seguem alguns trechos da candidatura desse acervo

"Nascido no Brasil e graduado em Coimbra, Alexandre Rodrigues Ferreira se destaca entre os demais visitantes por ser o primeiro naturalista a ocupar esse cargo dentro da burocracia portuguesa. Sua atuação se deu não apenas como homem de ciência, mas também como emissário da Coroa, encarregado de percorrer e fiscalizar as possessões de Portugal no norte do Brasil. Suas observações são muitas vezes de cunho utilitário, mas ao mesmo tempo mostram uma preocupação com o meio-ambiente que é bastante inovadora para a época. Por isso, a coleção desperta cada vez mais interesse dos pesquisadores, o que resultou em inúmeros livros e artigos acadêmicos publicados no Brasil e no exterior."

"A Coleção Alexandre Rodrigues Ferreira se constitui de documentos produzidos durante a Viagem Filosófica, além de outros adquiridos por Alexandre Rodrigues Ferreira para auxiliar seus estudos. Constam também sua correspondência e documentos produzidos por terceiros sobre ele e sua expedição, num total de 191 documentos textuais e 1.744 desenhos [incluídos nesse número os três volumes encadernados com 564 desenhos / gravuras coloridas do Museu Nacional]. A maior parte destes é original, mas algumas são reproduções feitas provavelmente em Lisboa, após Ferreira ter enviado os originais para o Real Gabinete de História Natural."

Continue Lendo

Imprimir Email

Nota de Solidariedade

A presidência e os componentes do Comitê Nacional do Brasil do Programa Memória do Mundo da Unesco - MoWBrasil, que se dedica é a preservação do patrimônio documental brasileiro, parte importante da memória nacional, vem por esta nota manifestar a sua profunda tristeza e indignação perante a destruição do mais antigo museu brasileiro, o Museu Nacional, no Rio de Janeiro. 

Um patrimônio inestimável tanto o prédio histórico, quanto as coleções artísticas históricas e científicas tão específicas e valiosas para nosso país e o mundo, perdeu-se por abandono e descaso com a cultura nacional.

Queremos em especial manifestar a nossa solidariedade aos colegas especialistas, cientistas, pesquisadores, museólogos, que trabalharam por gerações para constituir essas coleções nos duzentos anos de  existência do Museu Nacional. 

museu nacional luto

Imprimir Email